Prémio ICNF – Uma Ideia Natural

 


Aviso “Prémio ICNF 2019 - Uma Ideia Natural”

 

Foi publicado o Aviso n.º 8455/2019, no Diário da República, 2ª série, n.º 94, de 16 de maio, com o Programa do “Prémio ICNF 2019 - Uma Ideia Natural”


As candidaturas deverão ser enviadas até às 23:59 horas do dia 15 de junho de 2019, para o endereço de correio eletrónico premio@icnf.pt


Os pedidos de esclarecimentos devem ser efetuados através do e-mail premio@icnf.pt


Anexo > Regulamento Prémio ICNF – Uma Ideia Natural

 

Enquadramento

 

A Estratégia Nacional da Conservação da Natureza e da Biodiversidade 2030 (ENCNB 2030), aprovada pela Resolução do Conselho de Ministros n.º 55/2018, de 7 de maio, refere que deverá ser estabelecido um programa de formação e sensibilização para temas específicos de conservação da natureza dirigido à sociedade em geral.

 

Neste enquadramento, foi criado o “Prémio ICNF 2019 - Uma Ideia Natural”, iniciativa do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, I. P., adiante designado por ICNF, em parceria com o Fundo Ambiental, o qual visa promover o reconhecimento do património natural (Eixo 2 da ENCNB 2030) e fomentar a apropriação dos valores naturais e da biodiversidade (Eixo 3 da ENCNB 2030) presentes no território continental português.

 

O Fundo Ambiental através do presente aviso irá apoiar financeiramente um único projecto que consistirá numa campanha de comunicação sobre a Rede Natura 2000 (no território continental), dirigida à comunidade escolar.

 

O apoio financeiro atribuído pelo Fundo Ambiental terá um valor máximo de 50.000 € (cinquenta mil euros) para a sua conceção e execução, podendo ser atribuídas Menções Honrosas, as quais não serão objeto de apoio financeiro.

 

Principais objectivos do “Prémio ICNF-2019 – Uma Ideia Natural”

 

Aumentar o conhecimento, dar visibilidade e reconhecer a importância da Rede Natura 2000 do continente português, enquanto conjunto de espaços naturais reconhecidos pela sua biodiversidade e pelos serviços dos ecossistemas prestados e essenciais à vida humana; 

 

Fomentar o desenvolvimento de projetos que permitam, aos respetivos públicos-alvo da comunidade escolar, reconhecer o valor dos locais inseridos na Rede Natura 2000, resultando, assim, numa apropriação da biodiversidade desses territórios;

 

Reconhecer a Rede Natura 2000 enquanto ativo estratégico do país, para potenciar o desenvolvimento de atividades económicas e sociais baseadas na presença dos valores naturais com relevância na comunidade europeia;

 

Promover uma cidadania ativa, no domínio da conservação da natureza e biodiversidade.

 

Áreas chave a abordar na campanha de comunicação

 

A campanha de comunicação a apoiar e a realizar junto da comunidade escolar deverá dar a conhecer a diversidade e a riqueza dos valores naturais presentes na Rede Natura 2000, em Portugal continental.

 

Pretende-se também promover o conhecimento sobre paisagens, ambientes, ecossistemas, comunidades, espécies, processos biológicos e valores culturais, apresentados de uma forma inovadora e que envolva os públicos-alvo definidos numa experiência, que desperte emoções e sensações e que promova a apreciação, o conhecimento, a valorização e a conservação da biodiversidade nacional.

 

Em última análise, pretende-se promover o desejo de visitar, apreciar e usufruir as áreas da Rede Natura 2000 presentes no continente.

 

Âmbito geográfico

Rede Natura 2000 do território continental português.

A campanha de comunicação será implementada e testada em, pelo menos, 5 (cinco) locais diferentes da Rede Natura 2000, inseridos em SIC e/ou ZPE não coincidentes, tendo de ser passível de replicação para a totalidade do território continental.

 

Beneficiários/as

Constituem beneficiários/as elegíveis as pessoas coletivas de direito público, ou pessoas singulares ou coletivas de direito privado, designadamente empresários em nome individual, sociedades, cooperativas ou organizações não governamentais, podendo as candidaturas ser apresentadas a titulo individual ou por uma equipa.

 

Candidaturas

O período para a receção das candidaturas decorrerá até às 23:59 horas do dia 15 de Junho de 2019 após publicação deste Aviso no Diário da República.

Formulário a utilizar na candidatura ao Prémio ICNF - Clique aqui

Para além do formulário, podem ser enviados anexos adicionais para a sustentação da candidatura e que terão de ser todos em formato PDF.  Esses documentos devem ser exclusivamente ilustrações, gráficos ou fotos.”

As candidaturas deverão ser enviadas para o endereço de correio eletrónico premio@icnf.pt  o qual será publicitado através dos sítios www.icnf.pt e www.fundoambiental.pt